fbpx

Blog

Fique por dentro das notícias e novidades da LogLife.

Manual de Transporte de Material Biológico Humano da ANVISA

Manual de Transporte de Material Biológico Humano da ANVISA

Antes de mais nada, o Manual de Transporte de Material Biológico Humano da ANVISA foi um complemento à RDC 20.

Com o intuito de deixar mais claros e palpável a Resolução da Diretoria Colegiada publicada pela ANVISA (RDC 20), foi publicado, ainda em 2015, o MANUAL DE VIGILÂNCIA SANITÁRIA SOBRE O TRANSPORTE DE MATERIAL BIOLÓGICO HUMANO PARA FINS DE DIAGNÓSTICO CLÍNICO.

Portanto, nele é possível verificar desde a Validação de Transportes, até o tipo de acondicionamento, etiquetas e embalagens específicas para o transporte de materiais de Risco Mínimo, Categoria B e Categoria A.

Sobretudo, os pontos abordados no manual de transporte de material biológico humano da ANVISA são:

Classificação de Risco

Antes de tudo, os tipos de classificação específicas do TRANSPORTE DE MATERIAL BIOLÓGICO são quatro.

SUBSTÂNCIA INFECCIOSA DA CATEGORIA A

  • Acondicionamento, rotulagem e etiquetagem
  • Instrução DE Embalagem 620 (PI 620)
  • Documentação
  • Cuidados no transporte
  • Particularidades do transporte de substâncias da categoria A

SUBSTÂNCIA BIOLÓGICA DA CATEGORIA B (UN3373)

ESPÉCIME HUMANO DE RISCO MÍNIMO

  • Acondicionamento, rotulagem e etiquetagem
  • Limitação de quantidade
  • Etiquetagem
  • Marcação
  • Documentação

MATERIAL BIOLÓGICO ISENTO

  • Acondicionamento, rotulagem e etiquetagem
  • Documentação

Embalagens de Transporte

Primordialmente, neste tópico a ANVISA especificou quais são as três embalagens obrigatórias no transporte de material biológico. São elas:

  • Primária
  • Secundária
  • Terciária

Materiais Refrigerantes

Do mesmo modo que foram definidas as embalagens, foram também especificados os tipos de refrigeração utilizados no transporte de material biológico. São eles:

  • Ambiente
  • Refrigerado (2 a 8 graus)
  • Congelado

Licenciamento Sanitário de Transportadores

Antes de mais nada, os transportes precisam estar habilitados para o transporte de material biológico. É necessário que tenham o alvará sanitário específico para a atividade.

Treinamentos

Principalmente, neste tópico foi definida a obrigatoriedade dos treinamentos para quem irá trabalhar com o transporte do material biológico. Desde os controladores, gestores, até os motoristas, precisam ser formalmente treinados na operação.

Conservação das Características Biológicos

Acima de tudo, o foco do manual da Anvisa para o transporte de material biológico humano foi o de garantir a qualidade do material transportadora. Afinal, é preciso evitar que hajam erros analíticos decorrentes de problemas pré-analíticos.

Ele deverá ser revisado com a nova RDC 504.

VALIDAÇÃO DO PROCESSO DE TRANSPORTE

COMPARTILHAR


Inscreva-se em nossa News Letter

E fique por dentro das novidades da LogLife

Precisa de ajuda? Converse conosco